APOSTILA LINGUAGEM RUBY PDF

Slideshare uses cookies to improve functionality and performance, and to provide you with relevant advertising. If you continue browsing the site, you agree to the use of cookies on this website. See our User Agreement and Privacy Policy. See our Privacy Policy and User Agreement for details.

Author:Faezahn Majin
Country:Turkey
Language:English (Spanish)
Genre:Personal Growth
Published (Last):20 March 2012
Pages:129
PDF File Size:8.75 Mb
ePub File Size:12.99 Mb
ISBN:676-3-75462-754-7
Downloads:32073
Price:Free* [*Free Regsitration Required]
Uploader:Kilkree



This version is exclusively maintained by contributors without the review of the main author, therefore might not be completely up-to-date. Dito isto, existem imensas formas de utilizar estas funcionalidades.

Na verdade, tudo depende do vosso projeto. Qualquer coisa deste documento substitui o que poderia ser dito no Node Styleguide. Sucintamente, queremos que desavergonhadamente inspirado nas CSS Guidelines :.

Portanto, podes usar aspas simples, mesmo para a charset. Nunca se deve mostrar zeros no final. Quando estamos a lidar com medidas, um valor 0 nunca deve ter unidade. Leia mais sobre isso, neste artigo. No final de contas, depende tudo do que estivermos a tentar obter.

Cores ocupam um lugar muito importante em CSS. Por isso, posso recomendar algumas leituras:. Ao adicionar novos itens a uma lista, usar sempre a API fornecida.

Nunca tentar adicionar novos itens manualmente. Com Sass, autores de folhas de estilo podem definir mapas - o termo do Sass para arrays associativos, mapas de hash ou mesmo objectos em JavaScript. No entanto, parece-me bastante estranho ver propriedades como bottom e top separadas uma da outra. Por outro lado, ordenar propriedades por tipo faz todo o sentido.

Onde ficaria white-space : font ou display? Alinhar seletores oferece aos autores de folhas de estilo uma forma de computar seletores longos, aninhando seletores mais pequenos dentro de outros. Do mesmo modo, desde o Sass 3. Por exemplo:. Eu sugiro os recomendados por CSS Guidelines. Infelizmente ou felizmente? Quanto menos CSS tiverem, melhor. A maior parte de qualquer interface pode ser pensada como pequenos componentes e eu recomendo que fique com este paradigma.

Os estilos descritos em cada arquivo de componente devem se preocupar com:. Exclua estilos como cores, sombras, fontes, background e etc. Dependendo do processo de desenvolvimento estes ficheiros podem ser chamados individualmente para evitar que eles se juntem com outros quando todas as folhas de estilo se juntam.

O ficheiro principal normalmente chamado main. Ao importar desta maneira o ficheiro principal deve seguir as seguintes diretrizes:.

Portanto, isso nos levaria a ter um arquivo parecido com esse:. Quando usando Ruby Sass, podemos usar uma gem chamada sass-globbing que ativa exatamente esse comportamento.

Os exemplos anteriores utilizam mapas aninhados para definir breakpoints; no entanto isto depende bastante no tipo de gestor de breakpoints que seja utilizado. Podem optar por strings em vez de usar mapas, para maior flexibilidade e. Tenho a dizer que sou um defensor renhido do sistema media-queries-dentro-de-selectores , um vez que acho que encaixa bem com a ideia de componentes. Elas permitem-nos reutilizar valores sem ter que os copiar constantemente. Mais importante ainda, elas permitem-nos actualizar um valor facilmente.

Basicamente substitui o seu valor dentro do contexto local. O marcador! No geral, ela permite dizer ao Sass para estilizar um seletor A, tal como se ele fosse abrangido pelo seletor B. O que exatamente isso significa? Para saber mais, sobre como escolher entre esses dois, leia este artigo. Primeiro, se puderem usar o Autoprefixer , usem-no.

De qualquer forma, se alguma vez necessitarem delas, por favor respeitem as seguintes diretrizes:. Antes de usar um ciclo, certifiquem-se que tal faz sentido e que realmente resolve um problema. Apresenta uma API simples para iterar uma lista ou mapa. De verdade, usamos muito pouco de toda a framework.

Exatamente, nunca. Porque na maior parte dos casos, apenas querem a grelha comum de 12 colunas, nada de especial. Ou podem preferir algo mais casual, como csswizardry-grids. Portanto, abaixo segue o resumo.

Encontra-me no Twitter. Apoiar Sass Guidelines Espalhar a palavra. Apoiar Sass Guidelines. Pior: rebenta.

KENGEN PROSPECTUS PDF

Sass Guidelines

.

CATALOGO METABO 2013 PDF

.

BAQUEIRO FOSTER PDF

.

BEDIA AKARSU FELSEFE TERIMLERI SZL PDF

.

Related Articles